Associação Desportiva Confiança

Site Oficial

Associação Desportiva Confiança

Notícias


Equipe médica do Confiança detalha recuperação de Leandro Kível
Publicação: 09-03-2020
Noticia
Foto: Divulgação Confiança

Ele está de volta. Após pouco mais de um ano de espera, Leandro Kível voltou a ser relacionado para uma partida de futebol. No jogo entre Confiança e Bahia, pela 6ª rodada da Copa do Nordeste, no último sábado, 7, o atacante esteve no banco de reservas do Dragão. Mas, para chegar até ali, precisou trilhar um longo caminho.

Na tarde desta segunda-feira, 9, o médico do Confiança, Francis Vasconcelos, o fisioterapeuta Emmanoel Sampaio e Kível participaram de uma entrevista coletiva no Sabino Ribeiro para detalhar o procedimento de recuperação do atleta. Um processo de meses de muito trabalho dos profissionais do clube e de muito empenho e determinação do jogador.

Lesão

Kível se machucou no dia 10 de fevereiro de 2019, durante o jogo entre Confiança e Itabaiana, disputado no pela 5ª rodada do Campeonato Sergipano. Aos 40 minutos do segundo tempo, em uma dividida com o goleiro rival, o centroavante proletário sofreu uma fratura na tíbia e uma lesão multiligamentar no joelho direito.

No dia 19 do mesmo mês, foi realizado um procedimento cirúrgico por uma equipe composta pelos médicos Pablo Barreto, Carlos Carvalho e Diego Protásio. Francis Vasconcelos, médico do Confiança, fez o acompanhamento inicial na lesão e no período de recuperação. Ele destacou a gravidade do machucado, mas disse que o atleta mostrou bons resultados logo no início do tratamento.

“Foi uma lesão bem grave. Uma das mais graves que podem acontecer. Às vezes, o que isso pode causar é uma aposentadoria precoce por motivo da dor. A princípio, ele poderia precisar de um novo procedimento cirúrgico, mas foram feitos todos os exames e percebemos que as lesões cicatrizaram, não ficando com nenhuma folga ou instabilidade”, afirmou Francis.

Recuperação

Com a cirurgia, Kível teve que ficar 8 semanas com a perna imobilizada, sem fazer qualquer tipo de movimento até a consolidação da fratura e a estabilização da lesão ligamentar. Emmanoel Sampaio, fisioterapeuta responsável pelo Departamento de Fisioterapia do Confiança, teve então que traçar etapas no processo de recuperação do jogador.

“Após a estabilização, começou o trabalho da fisioterapia propriamente dita, com o processo de ganho de amplitude do movimento. Começamos a atuar para que ele pudesse dobrar o joelho. Não é fácil, pois é um período bem sofrido, com dor. No decorrer do tratamento, fizemos avaliações. Após isso, focamos no fortalecimento e outros procedimentos para que ele pudesse retornar bem”, explicou. 

Essa etapa durou vários meses até o atacante começar a ter condições de treino. Com o início da pré-temporada do Confiança, em dezembro, o centroavante foi integrado com o elenco proletário para ambientação, mas sempre com o acompanhamento da equipe médica e de fisioterapia. Esse período representou a reta final do tratamento, até ser relacionado pelo técnico Matheus Costa para o jogo do último final de semana. 

Emmanoel resumiu a alegria da equipe ao final vê-lo podendo atuar novamente. “Quando vi a lista de relacionados, mandei mensagem para ele na mesma hora. Sabendo da dificuldade de uma lesão dessa intensidade, desse grau é difícil voltar em alto rendimento. Mas ele está aí. E isso é importante para ajudar o nosso Dragão”, exaltou. 

Ansiedade em retornar 

Kível mostrou-se emocionado ao olhar para traz e relembrar toda a caminhada até a recuperação. “Estou bastante feliz, pois só sabe da dor quem passa. Aquela pessoa que não teve esse tipo de lesão não tem nem como imaginar. Uma perna que dobrou do jeito que foi, estar hoje conseguindo pisar nos gramados novamente, para mim, é motivo de vitória. Estou recomeçando minha carreira”, comemorou.  

“Um atleta nunca quer estar machucado. Não tenho experiência em lesões. Mas a gente conseguiu superar essa lesão juntos. Trabalho e dedicação de todo mundo. Perseverança, pois foram dias difíceis e de insegurança. Passei por noites sem dormir. E agora, estamos colhendo aquilo que a gente plantou. Fizemos todo o protocolo correto sem falhar. E creio que estou chegando perto dos 100%”, completou Kível. 

Apesar de ter sido relacionado para o jogo contra o Bahia, o atacante não chegou a entrar em campo. E isso aumenta ainda mais a ansiedade daquele que está habituado aos gols e ao carinho da Nação Azulina. Contudo, até chegar o momento do retorno, o jogador promete continuar se dedicando para atuar em alto nível quando entrar em campo. 

“Estou tentando conter a ansiedade. Não é fácil passar pelo que passei. Deus preparou esse caminho para mim. Cada dia estou fazendo de tudo para voltar 100% e eu tenho certeza de que vou conseguir, sempre fui determinado na minha carreira. E agora não vai ser diferente. Espero agora dentro de campo ter o apoio do nosso torcedor, que me apoiou ao longo desse processo. Quero comemorar as nossas vitórias e os nossos gols”, prometeu. 

 

Fonte: Assessoria de Imprensa




Confiança perde invencibilidade
Publicação: 07-03-2020

Noticia Noticia Noticia